A Global Fire Equipment (GFE) recebeu a aprovação EN 54-13:2017+A1:2019, demonstrando a compatibilidade e conectividade dos seus sistemas e respetivos componentes

O fabricante líder de equipamento de detecção de incêndio, Global Fire Equipment (GFE), obteve
junto ao laboratório acreditado do ISQ, a aprovação de compatibilidade segundo o sistema EN 54-
13:2017+A1:2019, demonstrando o compromisso permanente da empresa em oferecer aos seus
clientes as melhores soluções de detecção e alarme de incêndio.

A EN 54-13:2017+A1:2019 é uma das 23 normas para sistemas de detecção e alarme de incêndio
(SDAI) da série de normas EN54. As normas europeias definem os requisitos, os métodos de ensaio e
os critérios de desempenho exigidos para vários componentes individuais que compõem o SDAI
(Sistema de Deteção Automática de Incêndio).

A EN 54-13 difere das outras normas porque é uma norma de desempenho do sistema e não uma
norma de produto. É uma norma particularmente importante porque atesta a compatibilidade e a
conectividade de todos os componentes individuais de um SDAI. A EN54-13 foi publicada pela
primeira vez em 2005 e desde então foi adaptada com uma série de revisões técnicas. Como tal, a
edição de 2005 é reconhecida como estando desatualizada e tornar-se-á em breve obsoleta.
João Paulo Ajami, Diretor Geral da GFE, comenta: “Estamos encantados por termos recebido a
aprovação EN 54-13 na sua última versão. Ao especificar soluções de detecção e alarme de incêndio,
é sempre aconselhável especificar que a aprovação do sistema deve ser de acordo com a última
versão da norma e, como tal, este anúncio coloca a GFE na frente. Este é um feito significativo
devido ao nível de exigência desta versão da norma e demonstra ainda mais o nosso compromisso
com a conformidade e a inovação. Os nossos clientes têm agora a garantia adicional de que cada
componente individual dos nossos sistemas de incêndio funcionará em conjunto com os outros
componentes que, por sua vez, estão em conformidade com a norma relevante para esse
componente em particular.

“Assistimos a um aumento acentuado do número de autoridades, especificadores, instaladores e
utilizadores finais que solicitam o cumprimento da norma EN 54-13, e estamos também a ver o
cumprimento da norma EN 54-13 ser exigido nos requisitos de aprovação para instalações
comerciais em vários países europeus. Agora, com a aprovação total da EN 54-13:2017+A1:2019 em
vigor, podemos garantir que todos os nossos sistemas e redes de painéis de controlo de incêndios
oferecem compatibilidade e conectividade”.

× Como posso te ajudar?