Módulos

Convencionais

GFE MPX REL

Este módulo disponibiliza a indicação de Fogo/Falha através de relés inversores para cada uma das zonas da central convencional ORION. Existem versões de 4 e 8 zonas que indicam sempre as condições de Fogo/Falha de cada zona.

Um DIL switch de 8 vias permite configurar que um relé assignado a uma das 8 zonas (interruptores 1 ao 3) seja temporizado entre 0-10 minutos (interruptores 4 a 7).

Ficha do produto

Manual em PDF

J-NET MPX REL

Este módulo fornece indicação de Fogo/Avaria através de relés com contactos inversores para cada zona das centrais analógicas endereçáveis de detecção de incêndio da GFE. As condições de Fogo/Avaria de cada zona são também sinalizadas através de LED’s indicadores Vermelhos. As saídas dos relés não são monitorizadas.

Este módulo necessita de alimentação externa de 24V DC e de ligação ás centrais JUNO NET ou JUNIOR  através de um “flat cable” de cinco vias com fichas polarizadas. Os módulos dispõem de duas fichas de modo a permitir a ligação de módulos em série.
Este módulo funciona em três modos diferentes.

Principais Caracteristicas

  • Bloco de 8 Zonas – Indicação de Fogo para cada uma das 384 zonas disponíveis.
  • Bloco de 4 Zonas – Indicação de Fogo e Avaria para cada zona entre 1 e 256.
  • Estado do Sistema – Cada relé sinaliza uma condição do sistema: Fogo, Avaria, Pré-Alarme, Teste, Inibições, Sirenes Activas, Saídas auxiliares e Sirenes desabilitadas

Ficha do produto

Manual em PDF

MPX LED

Este módulo que permite que numa central analógica endereçável da GFE esteja disponível a indicação por LED das condiçoes de Fogo/Falha para cada zona. O LED Vermelho fica activo quando a zona respectiva está em condição de Fogo.

O módulo requer a ligação a uma central JUNO-NET ou JUNIOR através de um cabo plano de 5 vias com fichas polarizadas. Os módulos são ligados à saida MPX de uma das centrais mencionadas.

Este módulo pode funcionar de três modos distintos.

Principais Caracteristicas

  • Blocos de 16 zonas – Indicação de Fogo e Falha para cada zona de 1 a 384
  • Blocos de 8 zonas – Indicação de Fogo e Falha para cada zona de 1 a 384
  • Estado do Sistema – Cada LED está assignado a um estado do sistema especifico: Fogo, Falha, Pré-Alarme, Teste, Desabilitamentos, Sirenes Activas, Saídas e Sirenes Desactivadas

Ficha do produto

Manual em PDF

GFE MPX SNDR

Este módulo adiciona à gama de centrais convencionais ORION saídas de sirenes individuais por zona.

Existem versões com 4 e 8 saídas, que são activadas quando as zonas correspondentes reportam Alarme. É possível visualizar localmente através de LEDs, quais são as saídas activas, que são monitorizadas individualmente quanto à existência de circuito aberto ou curto-circuito.

Ficha do produto

Manual em PDF

Endereçáveis

MAM DETECTOR

O módulo de endereçamento manual MAM-DETECTOR permite a ligação e endereçamento de detectors convencionais. É facilmente configurado para se comportar como um detector óptico de fumo ou como detecor térmico.

Aliando as dimensões reduzidas a um DIL switch de 8 vias para endereçamento e configuração, este módulo permite a conversão dos dispositivos convencionais de um sistema, em dispositivos endereçáveis, tornando-o ideal para o reacondicionamento de instalações existentes.

Para facilitar a sua identificação este módulo é fornecido num encapsulamento de plástico, em três cores distintas, que nesta versão é de cor Branca.

Ficha do produto

Manual em PDF

MAM MCP – ENTRADA

O módulo de endereçamento manual MAM-MCP/ENTRADA permite a ligação e endereçamento de botoneiras manuais convencionais. Pode também ser configurado para se comportar como um micro-módulo de entrada.

Aliando as dimensões reduzidas a um DIL switch de 8 vias para endereçamento e configuração, este módulo permite a conversão dos dispositivos convencionais de um sistema, em dispositivos endereçáveis, tornando-o ideal para o reacondicionamento de instalações existentes.

Para facilitar a sua identificação este módulo é fornecido num encapsulamento de plástico, em três cores distintas, que nesta versão é de cor Vermelha.

Ficha do produto

Manual em PDF

MAM LSC – SAÍDA

O módulo de endereçamento manual MAM-LSC/SAÍDA pode ser configurado para se comportar como um micro-módulo de saída

Aliando as dimensões reduzidas a um DIL switch de 8 vias para endereçamento e configuração, este módulo permite a conversão dos dispositivos convencionais de um sistema, em dispositivos endereçáveis, tornando-o ideal para o reacondicionamento de instalações existentes.

Para facilitar a sua identificação este módulo é fornecido num encapsulamento de plástico, em três cores distintas, que nesta versão é de cor mostarda.

Ficha do produto

Manual em PDF

ISOLADORES DE LAÇO – GFE AD ISO

O módulo Isolador de Laço foi concebido para proteger as centrais endereçáveis analógicas Junior e Juno-Net contra falhas causadas por curto-circuitos. O isolador protege o laço na ocorrência de um curto-circuito desligando a secção do laço onde o curto-circuito ocorreu. Quando as condições normais são repostas na secção do laço em falha o isolador volta a repor a parte afectada do sistema em funcionamento.

O GFE-AD-ISO é fornecido numa caixa de junção circular que dispõe de entradas para a passagem fácil de cabos. Dois LED’s amarelos indicam em que direcção ocorreu o curto-circuito (entrada/saída de laço), o que facilita a rápida localização da falha pois não é necessário observar dois isoladores para confirmar a localização da secção afectada.

Ficha do produto

Manual em PDF

CONTROLADOR DE SIRENES – LSC ISO

O módulo LSC-ISO é um dispositivo totalmente monitorizado que é utilizado para efectuar a ligação de sirenes convencionais a uma central endereçável da GFE através do laço de detecção.

O módulo requer alimentação externa 24V DC e consegue fornecer até 1A na saída das sirenes, que é monitorizada quanto a falhas de circuito aberto ou curto circuito.

O LSC-ISO utiliza o protocolo de controlo de sirenes exclusivo da GFE sendo assim compatível unicamente com a gama de centrais endereçáveis da GFE.

Principais Caracteristicas

  • Resposta activação rápida
  • Três LEDs de estado
  • Baixo consumo de energia
  • Caixa de plástico

Ficha do produto

Manual em PDF

MONITORES DE ZONA – ZMU

O ZMU é um módulo de interface totalmente monitorizado que é utilizado para ligar, através do laço de detecção, dispositivos de deteção convencionais a uma zona individual de corrente limitada numa central endereçável GFE.

Os dispositivos convencionais ligados a este módulo são vistos como um endereço pela central. Este módulo pode ser alimentado pelo laço de deteção ou através de F.A. externa.

A zona convencional é monitorizada por um condensador electrolítico bipolar, que reduz significativamente o consumo de corrente no laço ou por uma resistencia de fim-de-linha.

Existem três LEDs de estado que permitem verificar o estado operacional deste módulo.

Ficha do produto

Manual em PDF

MONITORES DE ZONA – QUAD ZMU

O QUAD-ZMU é um módulo supervisionado, cuja função é monitorizar o estado de até quatro zonas individualmente endereçadas. Essas zonas são compostas por um número (limitado por corrente) de dispositivos convencionais, reportando através do laço de detecção, esse estado para uma central analógica GFE.

Este módulo necessita de ser alimentado externamente por uma Fonte de Alimentação 24V DC, um LED de cor verde dá indicação local da presença da mesma. É reportada uma condição de Avaria na central na  ausência da referida alimentação externa. As zonas convencionais de detecção e a alimentação do módulo, estão opticamente isoladas do laço endereçável, o que permite a utilização duma fonte de alimentação

Ficha do produto

Manual em PDF

MONITORES DE ZONA – GFE-ADLI

O Módulo GFE-ADLI é utilizado como interligação entre a central convencional ORION e qualquer uma das centrais analógicas endereçáveis GFE. Permite que a central endereçável controle e monitorize o estado da central convencional.

Este módulo, ocupando apenas um endereço no laço, transmite para a central endereçável as condições de Fogo e/ou Avaria da central convencional ORION. O módulo é visto pela central endereçável como uma unidade de monitorização de zona ZMU. Está equipado com três LED’s que indicam o estado do mesmo, nomeadamente a frequência de interrogação da central (Verde), a condição de Falha (Amarelo) e Fogo (Vermelho).

Esta unidade permite que a central ORION seja controlada remotamente a partir de qualquer central analógica endereçável GFE. O utilizador pode então Silenciar/Activar Sirenes (Evacuação) e efectuar a Reposição do Sistema na central convencional.

Ficha do produto

Manual em PDF

ENTRADA-SAÍDA – INPUT

O módulo endereçável de entrada é um dispositivo totalmente monitorizado que permite a ligação de equipamentos externos à CDI, utilizando para o efeito um contacto normalmente aberto. O LED Verde lampeja quando o módulo é interrogado pela central, o LED Vermelho sinaliza a activação da entrada do módulo.

A ligação ao módulo de Entrada é monitorizada quanto: estado de falha (circuito aberto e curto circuito) e a condição de alarme.

Este módulo é utilizado para controlar o estado de um sistema externo, que através dos seus contactos auxiliares, necessita de estar ligado ao SADI, como exemplo temos a monitorização do caudal num sistema de sprinklers que confirme a sua activação, ou o controlo de nível de um sistema de extinção por gás.

Ficha do produto

Manual em PDF

ENTRADA-SAÍDA – IO-ISO

O módulo endereçável de Entrada/Saída é um dispositivo totalmente monitorizado que permite a ligação de equipamentos externos ao Sistema de Detecção de Incêndio utilizando para o efeito um contacto normalmente aberto do tipo seco e um relé inversor de saída para controlo de equipamento auxiliar.

O módulo é usado para monitorizar os contactos de um sistema externo que deverá estar ligado ao sistema de detecção de incêndio, como um switch de fluxo de um sistema de extinção por “sprinklers”, por exemplo.

O relé de saída pode ser programado para fechar portas corta-fogo, activar sistemas de exaustão, entre outras actuações.

Ficha do produto

Manual em PDF

ENTRADA-SAÍDA – CCPI

O módulo CCPI disponibiliza oito entradas e três saídas pré-definidas endereçadas individualmente. Este módulo permite a interligação de uma central de detecção de incêndio convencional até oito zonas, com uma central analógica endereçável GFE directamente através do laço de detecção.CCPI+MN

As saídas estão pré-definidas como Silenciar, Reposição e Evacuação e permitem que sejam executadas a partir do painel endereçável. É necessário alimentação externa 24V DC de modo a alimentar os relés do módulo. A alimentação está opticamente isolada do laço de detecção.

Ficha do produto

Manual em PDF

ENTRADA-SAÍDA – 4 E 8 INPUT

Os módulos de 4 e 8 entradas são interfaces monitorizados que permitem a monitorização de sistemas externos as centrais de detecção de incêndio endereçáveis da Global Fire Equipment utilizando para tal contactos normalmente abertos e livres de voltagem. Cada entrada é individualmente monitorizada para a existência de situações de alarme assim como de avaria (circuitos abertos e curtos circuitos).

O interface é utilizado para monitorizar sistemas externos donde exista a necessidade de interligação ao sistema de detecção de incêndio, como por exemplo válvulas do sistema de extinção para indicar a sua activação ou para monitorizar o nível do elemento extintor, etc.

Principais Caracteristicas

  • Baixo Tempo de Activação
  • Alimentação a partir do Laço
  • LEDs de estado para cada uma das Entradas
  • Baixo consumo de energia
  • Caixa plástica

Ficha do produto

Manual em PDF

ENTRADA-SAÍDA – 3 IO-PLUS

O módulo endereçável de Tripla Entrada/Saída é um dispositivo totalmente monitorizado que permite a ligação de equipamentos externos ao Sistema de Deteção de Incêndio utilizando para o efeito 3 contactos normalmente abertos (tipo seco) e 3 relés inversores de saída para controlo de equipamento auxiliar.

O 3 I/O-PLUS é utilizado para monitorizar os contactos de um sistema externo que deverá estar ligado ao Sistema de Deteção de Incêndio, como um switch de fluxo para indicar a activação de um sistema de extinção por “sprinklers”. Os relés de saída podem ser programados para fechar portas corta-fogo, activar sistemas de exaustão, entre outras actuações.

Para referência os modelos aprovados e respectivos números CPR são:
1328-CPR-0542 : 3 I/O PLUS – 1 Canal
1328-CPR-0543 : 3 I/O PLUS – 2 Canais
1328-CPR-0544 : 3 I/O PLUS – 3 Canais

Pode descarregar na área de Downloads as respectivas Declarações de Desempenho.

Principais Caracteristicas

  • Tempo de activação rápido
  • Alimentado na totalidade a partir do laço
  • LEDs de estado para dada uma das Entradas/Saídas
  • Baixo consumo
  • Inclui isolador para protecção contra curto-circuito no laço.
  • Relés retentivos

Ficha do produto

Manual em PDF

ENTRADA-SAÍDA – MAINS IO

O módulo MAINS I/O é um dispositivo totalmente monitorizado que permite a interligação de sistemas externos ao Sistema de Deteção de Incêndio através de um contacto normalmente aberto, livre de potencial e de uma entrada de alarme.

A ligação na entrada é monitorizada contra avarias por circuito aberto ou curto-circuito, além da condição de alarme. Permite, por exemplo, monitorizar um contacto de um sistema externo que necessite estar interligado ao Sistema de Deteção de Incêndio, como um sensor de fluxo que indica a activação de um sistema de extinção por aspersor, ou o nível de um tanque que contém um agente extintor, etc.

O módulo incorpora um isolador de linha e um relé inversor livre de potencial cujo contacto suporta tensão da rede. A energia para activação do relé é fornecida pelo laço de deteção, eliminando assim a necessidade de fontes de alimentação externas. A operação do relé é sinalizada localmente através de um LED de cor vermelha.

Principais Caracteristicas

  • Baixo Tempo de Activação
  • Alimentação a partir do Laço
  • 5 LEDs de estado disponíveis
  • Baixo consumo de energia
  • Inclui isolador para protecção contra curto-circuito
  • Contacto relé suporta tensão da rede

Ficha do produto

Manual em PDF

× Como posso te ajudar?